Porto Alegre, quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014

  • 27/05/2014
  • 08:14
  • Atualização: 08:36

"Precisamos voltar a vencer", avisa diretor do Inter

Time jogará desfalcado contra Chapecoense nesta quarta

Precisamos voltar a vencer, avisa diretor do Inter  | Foto: Alexandre Lops / Inter / Divulgação CP

Precisamos voltar a vencer, avisa diretor do Inter | Foto: Alexandre Lops / Inter / Divulgação CP

  • Comentários
  • Fabrício Falkowski / Correio do Povo

Os resultados obtidos ultimamente pelo Inter são insuficientes e incompatíveis com as pretensões do clube na temporada. Não são, porém, motivo para pânico ou qualquer alteração de planos. Segundo os dirigentes, a confiança em uma boa campanha no Campeonato Brasileiro - e até no título - segue intocada. "Temos de voltar a vencer. Se ganharmos da Chapecoense nesta quarta-feira, chegamos na última rodada antes da parada para a Copa disputando o primeiro lugar. Este é o objetivo", enfatiza o diretor de futebol, Roberto Melo, que segue: "Não tem crise alguma no Inter".

Não há, porém, boas novidades para Abel Braga sobre a próxima rodada. Nenhum dos jogadores que desfalcou o Inter na derrota para o Cruzeiro, domingo, por 3 a 1, estará à disposição para o jogo contra a Chapecoense, outra vez no estádio Centenário. É o caso de Alex, Alan Patrick, Paulão e Rafael Moura, por exemplo.

Além disso, o técnico perdeu Otávio. O meia tem uma fratura na mão direita e hoje será submetido a uma cirurgia. Segundo os médicos, ele poderia voltar aos treinos em aproximadamente uma semana, mas só volta após a Copa.

Clube agiliza compra de Aránguiz

Antes de despedir-se dos colegas no CT Parque Gigante e viajar para o Chile, onde começou a preparação para a Copa do Mundo, Charles Aránguiz assinou um pré-contrato com o Inter. O documento garante a sua permanência - se o clube conseguir arrecadar os 5 milhões de dólares necessários à compra dos direitos federativos do jogador.

"Estamos bem fundamentados com documentos. Se pagarmos pelos direitos, ele (Aránguiz) fica", garante o diretor de futebol, Roberto Melo. O Inter tem até o dia 15 de agosto para confirmar a compra dos direitos, mas quer fazê-lo antes do início da Copa do Mundo. Depois que Aránguiz se apresentou à seleção chilena, o Inter não venceu mais no Campeonato Brasileiro. Sem ele, empatou duas e perdeu uma partida.

Bookmark and Share