Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 28/05/2014
  • 18:58
  • Atualização: 19:07

Marcelo Moreno leva dois jogos de suspensão por confusão no clássico com Atlético-MG

Diretor de futebol do Cruzeiro, Alexandre Mattos, e atacante Luan também foram punidos pelo STJD

Marcelo Moreno fez um dos gols no último jogo contra o Internacional | Foto: Ricardo Rimoli / Lance / CP

Marcelo Moreno fez um dos gols no último jogo contra o Internacional | Foto: Ricardo Rimoli / Lance / CP

  • Comentários
  • Lancepress

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) puniu o diretor de futebol Alexandre Mattos por conta das declarações contra a assistente Fernanda Colombo, além dos atacantes Marcelo Moreno e Luan devido às expulsões no clássico diante do Atlético-MG, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

O centroavante boliviano, enquadrado nos artigos 243-C e 243-F, por ameaçar e ofender o árbitro Héber Roberto Lopes, respectivamente, recebeu dois jogos de punição e, além de ter se ausentado do duelo com o Coritiba, não enfrentará o Flamengo, neste domingo, pela nona rodada do Brasileirão.

O dirigente, denunciado pela procuradoria no artigo 243-G, foi punido com 120 dias de afastamento, além de multa de R$ 500. A pena máxima era de 360 dias ausentes de suas funções.

Luan, por sua vez, foi julgado no artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê suspensão de um a seis jogos. O atleta, no entanto, foi punido com apenas uma partida e, por isso, está liberado para atuar, já que não esteve em campo contra o Coxa.

O Cruzeiro ainda foi multado em R$ 500 por atrasar em cinco minutos a entrega da relação de jogadores para o clássico com o Galo. O fato foi denunciado pela procuradoria no artigo 191, inciso III do CBJD.

Bookmark and Share


TAGS »