Correio do Povo

Porto Alegre, 1 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
15º 22º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Brasileirão

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

28/05/2014 23:33 - Atualizado em 28/05/2014 23:43

Goiás empata com o Vitória e perde chance de liderar Brasileirão

Partida teve várias oportunidades para os dois lados, mas ficou no 0 a 0

O Goiás perdeu a chance de embolar de vez a briga pela liderança do Brasileirão ao empatar com o Vitória, por 0 a 0, no Serra Dourada, nesta quarta-feira. A falta de chances e de vontade não foi problema para os dois times, mas faltou pontaria e sobrou boas defesas dos goleiros.

Com o resultado, o Goiás foi a 15 pontos e ronda o G4. Já o Vitória chegou a sete e segue ameaçado pela zona do rebaixamento. Na próxima rodada, a última antes da paralisação para a Copa do Mundo, o Goiás visita o Coritiba, enquanto o Vitória recebe o Sport.

O primeiro tempo foi uma batalha franca, com muita disposição. No extenso Serra Dourada, um dos poucos estádios que permaneceram com dimensões grandes do gramado, Goiás e Vitória não se intimidaram ou limitaram-se à defesa.

O Goiás foi o autor das duas jogadas mais bonitas, ambas protagonizadas por Danilo. Sorte do Vitória que o goleiro Wilson estava lá. Na primeira, o atacante recebeu o passe de cavadinha de Tiago Real e tocou por cima. O goleiro raspou na bola e evitou o golaço. Depois, Danilo mandou um belo voleio - pegou na veia - e novamente Wilson voou e salvou. No ataque do Vitória, Souza teve a chance mais clara nos pés, mas Edson mostrou serviço do outro lado.

O segundo tempo teve menos intensidade. Até porque não é tarefa fácil manter o ritmo como o que foi apresentado na etapa inicial. Souza, mais uma vez, teve a chance mais clara. O roteiro se repetiu, já que o goleiro Edson trabalhou bem de novo.

O Goiás continuou apostando na plasticidade das jogadas, mas a pontaria não foi tão eficiente. Exemplo foi a bela bicicleta do atacante Erik. Tirou tinta. A jogada deu início a uma pressão exercida pelos donos da casa. Mas o Leão foi forte, segurou o ímpeto do adversário e deixou Goiânia com um ponto na bagagem.


Bookmark and Share


Fonte: Lancepress






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.