Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 17/06/2014
  • 08:35
  • Atualização: 10:02

Jogadores do Inter evitam Beira-Rio e preferem conforto de casa

Zagueiro Paulão disse que não consegue ver jogo até mesmo de sua equipe no estádio

Zagueiro Paulão diz que não consegue ver jogo até mesmo de sua equipe no estádio, porque fica muito nervoso | Foto: Mauro Schaefer / CP Memória

Zagueiro Paulão diz que não consegue ver jogo até mesmo de sua equipe no estádio, porque fica muito nervoso | Foto: Mauro Schaefer / CP Memória

  • Comentários
  • Lancepress

A Copa do Mundo está no Brasil e Porto Alegre é uma das sedes. E ainda há pessoas que correm atrás de ingressos para acompanhar os jogos no Beira-Rio. Mas entre os interessados não estão aqueles mais acostumados a desfilar pelo gramado da casa colorada. Os jogadores do Inter não demonstram excitação em assistir às partidas das arquibancadas.

Os motivos são diversos, certamente. Alguns preferem a companhia da família e o conforto de seus sofás, em aparelhos de televisão de alta definição. Outros simplesmente não estão acostumados a torcer nas arquibancadas. É o caso do zagueiro Paulão, que afirma que não consegue nem assistir aos jogos do Inter no estádio.

- Não vi ingressos para ir nos jogos, prefiro ficar em casa assistindo. Não sou fã de estádio, mesmo quando é a minha equipe, é uma sensanção estranha estar no estádio e não jogar. É muito louco, evita isso. Acompanho de casa. O que podemos, por conta dos horários dos treinamentos - comentou Paulão.

O lateral-direito Gilberto também não buscou ingressos para os jogos no Beira-Rio. Os jogadores poderiam estar "em casa" em França e Honduras, neste domingo, Holanda e Austrália, na próxima quarta, e Coreia do Sul e Argélia, no próximo domingo.

- Eu particularmente não gosto de ir no estádio, só para assistir aos jogos da minha equipe. Prefiro assistir em casa, com a minha família para ver o jogo, minha namorada está aqui e prefiro ver assim - comentou o camisa 2 colorado.

Durante o Brasileirão, D'Alessandro foi outro a se manifestar nesse sentido. Perguntado se iria ao jogo da Argentina no Beira-Rio - o que nem seria possível, já que o Inter viaja para Florianópolis dia 24 -, o camisa 10 colorado disse que não iria assistir ao jogo também. Neste caso, há ainda o caso dele não ter sido mais chamado por Alejandro Sabella após um Superclássico que não pode jogar, por estar machucado.


Bookmark and Share