Porto Alegre, quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

  • 27/06/2014
  • 10:38
  • Atualização: 11:10

Fernandinho está cada vez mais distante do Grêmio

Concorrência com equipes nacionais e estrangeiras dificulta negociação

Fernandinho está cada vez mais distante | Foto: GiL Leonardi / Lancepress / CP Memória

Fernandinho está cada vez mais distante | Foto: GiL Leonardi / Lancepress / CP Memória

  • Comentários
  • Correio do Povo

O desejo do Grêmio de fechar o ciclo de contratações neste meio do ano com a chegada de Fernandinho está difícil de ser realizado. As tratativas com o Al-Jazira esfriaram desde a última semana. A menos que ocorra uma reviravolta, o desfecho positivo é improvável.

"Está cada vez mais distante. Houve muitas idas e vindas. É complicado negociar com eles lá. Desaceleramos", afirma Rui Costa. A concorrência de equipes brasileiras e do exterior fez com que aumentasse a cobiça do clube nos Emirados Árabes. Embora esteja difícil, o Tricolor ainda não desistiu do reforço. Porém, em caso de insucesso, não deve trazer nenhum outro. "Não há plano B ou C. Não trabalhamos com alternativas", acrescenta o diretor executivo de Futebol gremista.

Em campo, Enderson Moreira testa as opções que tem no elenco para formar o time titular. As principais dúvidas se encontram na lateral-esquerda, entre Breno e Marquinhos Pedroso, e na última peça da linha de armadores, entre Alán Ruiz e Dudu, para atuar ao lado de Giuliano e Luan. Ontem, no Centro de Treinamentos, o técnico novamente experimentou algumas variações dentro do 4-2-3-1, formação adotada antes da parada.


Bookmark and Share


TAGS » Grêmio, Futebol, Esporte