Correio do Povo

Porto Alegre, 1 de Outubro de 2014


Porto Alegre
Agora
16ºC
Amanhã
13º 20º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

02/07/2014 12:13 - Atualizado em 02/07/2014 12:29

Amistosos no Paraná viram "Copa do Mundo" para Grêmio

Reservas buscarão chance entre titulares durante série de jogos

Amistosos no Paraná viram Copa do Mundo para Grêmio <br /><b>Crédito: </b> Lucas Uebel / Grêmio / CP
Amistosos no Paraná viram Copa do Mundo para Grêmio
Crédito: Lucas Uebel / Grêmio / CP
Amistosos no Paraná viram Copa do Mundo para Grêmio
Crédito: Lucas Uebel / Grêmio / CP

O Grêmio vai viver uma Copa do Mundo particular a partir desta quarta-feira. Acontecerá no Paraná e terá apenas três participantes: o próprio Tricolor, o Grêmio Maringá e o Londrina. É com peso de Mundial que os jogadores do clube gaúcho estão encarando os dois amistosos, principalmente aqueles que buscam uma chance entre os titulares.

Os jogadores acreditam em chance para todos durante os confrontos. Nos treinamentos, o técnico Enderson Moreira tem utilizado diferentes formações. Muitos são testados entre titulares e observados nos reservas. Casos de Bressan e Lucas Coelho, por exemplo. Ambos com apresentações no time titular do Brasileirão e que esperam mudar a cabeça de Enderson.

"Com certeza (é a Copa do Mundo deles). Não só os amistosos, mas os treinamentos também. O Enderson faz um rodízio grande nos treinamentos, e faz as avaliações dele. Nada melhor que um amistoso, onde solta, abre mais o campo, é o que vai ser no jogo, para tirar as conclusões e a gente colocar uma pulga atrás da orelha dele", destacou o zaguiro Bressan.

O Tricolor tem encaminhado uma equipe titular com a presença de Pedro Geromel na defesa. No entanto, no primeiro semestre a defesa sofreu diversas mudanças e tanto Bressan quanto Werley e Rhodolfo atuaram com frequência. No ataque, o comandante tem testado o time sem a presença de Barcos nos treinos. Ainda que Lucas Coelho não seja o agraciado com uma vaga, a possibilidade anima o jovem.

"É sempre bom voltar a jogar, é o que gostamos. Claro que gostamos de treinar, mas são treinos fortes e é bom jogar. Sentir essa energia de novo, de jogo, mesmo sendo amistoso. O Enderson vem mostrando que vai dar oportunidades, seja para quem é jovem ou quem chegou. Espero ajudar quando entrar", destacou Lucas Coelho.

Bookmark and Share


Fonte: Lancepress






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.