Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 02/07/2014
  • 15:45
  • Atualização: 16:02

Prefeitura planeja Caminho do Gol para Beira-Rio e Arena

Evento chamou atenção da Fifa, que registrou movimentação elevada no dia do jogo da Argentina

Evento chamou atenção da Fifa, que registrou movimentação no dia do jogo da Argentina | Foto: Bruna Cabrera / Especial / CP

Evento chamou atenção da Fifa, que registrou movimentação no dia do jogo da Argentina | Foto: Bruna Cabrera / Especial / CP

  • Comentários
  • Tiago Medina / Correio do Povo

Grande “marca” da Copa em Porto Alegre, o Caminho do Gol deve ser implementado em grandes jogos da dupla Gre-Nal. A meta de continuar o evento será analisada pela Prefeitura a partir do segundo semestre e aplicada tanto a jogos no Beira-Rio quanto na Arena, conforme revelou o prefeito José Fortunati nesta quarta-feira.

Ao longo da Copa, o Caminho do Gol foi realizado cinco vezes, em dias de jogos no Beira-Rio, sempre pela avenida Borges de Medeiros. Apenas no dia em que a Argentina enfrentou a Nigéria, cerca de 100 mil argentinos passaram pela Borges, segundo a prefeitura.

Com as obras da Copa, tanto a Borges quanto a avenida Edvaldo Pereira Paiva poderiam utilizadas em partidas no Beira-Rio. No rumo da Arena, a via a ser fechada será a avenida Voluntários da Pátria, assim que for concluída a duplicação, o que ocorrerá no mínimo em março de 2015.

A solicitação da continuidade do Caminho do Gol partiu do presidente do Inter, Giovanni Luigi. Segundo Fortunati, o objetivo é realizá-lo em dias de grandes jogos na Capital, como os de Libertadores. Além disso, a prefeitura vislumbra o Caminho do Gol quando houver Gre-Nal, misturando as torcidas nas proximidades dos estádios. O prefeito crê que seja possível, apesar do histórico de brigas de torcidas: “Tenho convicção que a maioria da cidade quer isso.”

A medida, porém, será analisada depois de uma avaliação definitiva da Copa do Mundo, o que ocorrerá depois do Mundial.

Blatter mostrou-se informado do Caminho do Gol

O Caminho do Gol chamou atenção até da Fifa, que mandou uma equipe registrar a caminhada de torcedores argentinos até o Beira-Rio, conforme Fortunati. “A equipe da Fifa nem chegou a entrar no estádio, apenas fez a caminhada”, disse o prefeito.

O próprio presidente da Fifa, Joseph Blatter, mostrou-se informado sobre o Caminho do Gol quando esteve em Porto Alegre, nessa segunda-feira. De agrado da Fifa, a ideia poderá ser aplicada em cidades que receberem as próximas Copas. “Ele (Blatter) me disse que foi coletado um material e será analisado após a Copa do Mundo”, explicou Fortunati.

Bookmark and Share