Correio do Povo | Notícias | Em apresentação no Corinthians, Ramiro diz que ciclo no Grêmio estava terminado

Porto Alegre

31ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 23 de Janeiro de 2019

  • 11/01/2019
  • 15:26
  • Atualização: 15:32

Em apresentação no Corinthians, Ramiro diz que ciclo no Grêmio estava terminado

Meio-campista afirmou que precisava de novos desafios na carreira

Ramiro foi apresentado nesta sexta como reforço do Corinthians | Foto: Corinthians / Divulgação / CP

Ramiro foi apresentado nesta sexta como reforço do Corinthians | Foto: Corinthians / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Ramiro foi apresentado como reforço do Corinthians nesta sexta-feira. Em sua primeira entrevista com a camisa do clube paulista, o meio-campista disse que aceitou rápido a proposta para jogar no Timão pois considerava que seu ciclo no Grêmio estava encerrado. Ele reforçou que precisava de novos desafios na carreira.

"Sou muito grato a tudo que vivi no Grêmio e o que conquistei lá. A vida é formada por ciclos. Eu entendi que meu ciclo lá tinha chegado ao fim por motivos pessoais de carreira, de sair de uma zona de conforto e vir para um clube do centro do país. Quando me passaram a oportunidade, eu aceitei na hora. Tinha como objetivo iniciar um novo ciclo", revelou Ramiro, que seguiu fazendo elogios ao Corinthians.

"A gente sabe o tamanho, a força e o respeito que o Corinthians tem nos cenários nacional e mundial. É um prazer fazer parte desse novo clube. A gente sabe que no ano passado o Corinthians não fez um grande ano, mas foi campeão em 2017 com um trabalho coletivo muito forte. Esse foi um dos fatores que me fez vir pra cá, para procurar aprender e evoluir ainda mais na minha carreira", afirmou.

Ramiro ainda fez elogios ao técnico Renato Portaluppi. Ele afirmou que aprendeu muito com o treinador no Grêmio e que tentará agora se adaptar ao estilo de Fábio Carille. "Tive a oportunidade de trabalhar com o Renato por dois anos e meio. É um cara fantástico e que me ajudou muito. Sou muito grato a ele. Agora vou encontrar um treinador diferente, com um pensamento diferente de futebol. Vou procurar aprender o estilo dele", completou.