Correio do Povo | Notícias | Conquista da Libertadores inflacionou o mercado para o Grêmio, revela Bolzan

Porto Alegre

15ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 28 de Maio de 2018

  • 08/02/2018
  • 12:16
  • Atualização: 12:33

Conquista da Libertadores inflacionou o mercado para o Grêmio, revela Bolzan

Presidente do Grêmio garantiu que, pelo menos, um centroavante será contratado em fevereiro

Segundo Bolzan, negociações por Triverio não iniciaram, mas o jogador é ´interessantíssimo´ | Foto: Maria Calls / AFP / CP memória

Segundo Bolzan, negociações por Triverio não iniciaram, mas o jogador é ´interessantíssimo´ | Foto: Maria Calls / AFP / CP memória

  • Comentários
  • Correio do Povo

A demora para disponibilizar um centroavante para o técnico Renato Portaluppi se dá por três motivos: a não concretização das negociações com Gonzalo Carneiro, a falta de opções no mercado do continente e os altos valores pedidos pelos clubes ao tricampeão da América. Além da disputa da Libertadores custar mais do que distribui em prêmios, a conquista da competição fez os adversários aumentarem os preços para o Grêmio.

“Essa é uma questão importante e fundamental. Embora tivéssemos uma lista enorme de avaliação e um banco de dados extenso, que ainda os temos, a conquista da Libertadores no ano passado para o Grêmio inflacionou o mercado. Sul-americano nem se fala. Todo mundo acha que um centroavante sul-americano vale entre três a seis milhões de dólares. Quando não se fala em Euros. Isso nos dificulta muito as negociações. Então, ficamos afastado dos mercados sul-americano e brasileiro, onde é raro um centroavante”, afirmou o presidente Romildo Bolzan Júnior.

Apesar da declaração, um jogador sul-americano ainda pode ser contratado. Antes da partida, o mandatário foi questionado sobre a possibilidade do Grêmio acertar com Enrique Triverio, do Racing. "Não temos negociação, mas é um jogador que respeito muito e acho interessantíssimo. Precisa verificar preço, condições técnicas e muitas coisas ainda”, revelou.

O certo é que, pelo menos, um centroavante será contrato nos próximos 20 dias. Mesmo após o anúncio, o Grêmio seguirá vasculhando o mercado para a contratação de um segundo jogador para a posição. Romildo Bolzan lamentou o fim das negociações com Gonzalo Carneiro, após o Tricolor tentar refazer cláusulas do acerto devido ao problema físico do atacante, mas deixou aberta a possibilidade, caso o empresário do jogador volte atrás e aceite a proposta.

“Mas vamos encontrar esse centroavante. Poderá ser rápido ou não ser, mas seguimos trabalhando incessantemente. Em fevereiro? Talvez. Um com certeza. E o outro, talvez, mas seguiremos procurando”, revelou Bolzan.

Após vencer por 2 a 1 o Brasil de Pelotas, na quarta-feira, o grupo retoma os trabalhos às 16h no CT Luiz Carvalho. O próximo compromisso oficial é no dia 14, na primeira partida da Recopa Sul-Americana, na Argentina, contra o Independiente.