Correio do Povo | Notícias | Com cinco gols em Gre-Nal, Luan diz que busca “ficar marcado” no clássico

Porto Alegre

14ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 27 de Maio de 2018

  • 12/03/2018
  • 16:36
  • Atualização: 17:01

Com cinco gols em Gre-Nal, Luan diz que busca “ficar marcado” no clássico

Camisa 7 foi o destaque do Grêmio na vitória sobre o Inter no Beira-Rio

Luan marcou os dois gols do Grêmio no Gre-Nal | Foto: Ricardo Giusti

Luan marcou os dois gols do Grêmio no Gre-Nal | Foto: Ricardo Giusti

  • Comentários
  • Correio do Povo

Autor dos dois gols na vitória de 2 a 1 do Grêmio sobre o Inter nesse domingo no Beira-Rio, Luan chegou a cinco gols em Gre-Nal. O camisa 7, que já conquistou a Copa do Brasil, a Libertadores e a Recopa pelo Tricolor, almeja marcar seu nome também na história do clássico.

“Procuro buscar as marcas com títulos e fazendo gols. Cada pedaço que vai agregando é muito importante para a minha carreira, para a minha história no clube. O que puder fazer para construir mais um pedaço vou trabalhar firme para alcançar. Sei a importância do clássico aqui pela rivalidade. Eu me destacando contra eles é importante para eu ficar ainda mais marcado no clube”, disse o camisa 7, que valorizou a classificação gremista para a segunda fase do Gauchão.

“Jogar clássico é sempre especial. É um jogo diferente. Para a nossa equipe o que mais importava era conquistar os três pontos. Fico feliz de marcar no clássico porque sei o quanto é importante. Mas o principal foi a classificação, que era o nosso objetivo”, continuou.

Nas quartas de final, Grêmio e Inter se enfrentarão novamente. Luan afirmou que os erros cometidos no segundo tempo do jogo do Beira-Rio devem servir de lição para o Tricolor no mata-mata. “A gente não foi tão bem no segundo tempo. Normal eles virem para cima da gente precisando do resultado. A gente se desorganizou um pouco e eles tiveram mais a bola. Buscamos o gol no segundo tempo tempo e penso que no geral do jogo nós estivemos melhor. Agora o Renato vai passar os pontos negativos que tivemos, principalmente no segundo temo, para corrigirmos”, finalizou.