Correio do Povo | Notícias | Odair evita falar em possibilidade de derrota no Gre-Nal e deixa dúvida na lateral

Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 18 de Novembro de 2018

  • 07/09/2018
  • 12:22
  • Atualização: 12:28

Odair evita falar em possibilidade de derrota no Gre-Nal e deixa dúvida na lateral

Treinador do Inter afirmou que vai manter pensamento positivo para o clássico

Odair manteve dúvida na lateral esquerda | Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação / CP

Odair manteve dúvida na lateral esquerda | Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Após assumir a liderança do Campeonato Brasileiro, o Inter terá pela frente o clássico Gre-Nal no próximo domingo, às 16h. E o foco no Beira-Rio é total para manter o bom momento e vencer o maior rival. Nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, o técnico Odair Hellmann foi questionado sobre o que um resultado negativo diante do Grêmio resultaria para o seu time e evitou projetar um cenário de derrota na partida. Odair ainda deixou dúvida sobre quem será o substituto de Iago, suspenso.

"Vamos trabalhar para vencer o Gre-Nal e isso acontecendo provavelmente nos manteremos em primeiro. Esse é o nosso foco e o nosso objetivo. Sobre derrota não vou falar. Não penso em derrota, não falo em derrota. Se acontecer isso, nós falamos depois do jogo. Meu pensamento agora é positivo, em vitória, em fazer um bom jogo e conseguir os três pontos", disse o treinador.

Odair ainda falou sobre as diferenças do Gre-Nal deste domingo para o do primeiro turno, quando o Inter chegou em momento ruim e comemorou o empate na Arena como uma vitória. O treinador iniciou dizendo que as cobranças sobre o Colorado eram exageradas em razão de o Brasileirão estar apenas no começo naquele momento e afirmou que o crescimento se deu pela convicção no trabalho realizado no Beira-Rio.

"O Inter continuou com as suas convicções de trabalho, convicções táticas, os jogadores comprometidos com aquilo que é treinado, um com o outro e um respeito enorme entre eles. Houve um fortalecimento de convicções, respaldo da direção, a vinda de novos jogadores, do Rodrigo Caetano. Houve um fortalecimento de todos nós para estarmos nesse momento", disse o treinador antes de garantir que seu time está pronto para o clássico.

"Tenho certeza de que será um confronto difícil. Vale muito na tabela do Brasileirão e é um clássico, o que aumenta isso. A equipe do Grêmio é forte, tem um modelo de jogo consolidado há muito tempo. E isso se repete mesmo que mudem os jogadores, como o ocorreu ontem. Isso só acontece com o tempo e com repetição do trabalho. Mas nós estamos em um momento bom. Estamos preparados para o jogo, o que é mais importante", reforçou.

Dúvida na lateral esquerda

Odair Hellmann manteve a dúvida sobre quem será o substituto de Iago, suspenso. O técnico explicou as diferenças entre Uendel e Zeca e deixou aberta a possibilidade de usar qualquer um dos dois na lateral esquerda no domingo.

"O Zeca é destro. A característica é totalmente diferente. Quando ele jogava na lateral esquerda fazia um jogo mais apoiado, de aproximação, de tabelas e curto. Por muito tempo teve essa característica. Quando pega outro treinador talvez tenha uma outra ideia, de ter o lateral mais aberto para dar amplitude. No Santos, ele tinha essa característica que é natural do pé direito. O Zeca então traria um jogo mais apoiado e o Uendel mais aberto, que dá amplitude e faz a função equilibrada ofensiva e defensivamente", explicou.


TAGS » Futebol, Inter, Esporte