Correio do Povo - O portal de notícias dos gaúchos | Versão Impressa

Porto Alegre

32ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 23 de Janeiro de 2019

Jornal > Esportes

ANO 117 Nº 165 - PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 13 DE MARÇO DE 2012

A tragédia que abalou o The Strongest

Radiofoto da AP foi uma das últimas imagens do time boliviano. Toda a equipe morreu no acidente aéreo | Foto: cp memória

Radiofoto da AP foi uma das últimas imagens do time boliviano. Toda a equipe morreu no acidente aéreo | Foto: cp memória

Radiofoto da AP foi uma das últimas imagens do time boliviano. Toda a equipe morreu no acidente aéreo
Crédito: cp memória

Há pouco mais de 40 anos o The Strongest sofria a maior derrota da sua história. Do outro lado não estava nenhum adversário, mas sim uma fatalidade. A equipe foi convidada pela Associação de Futebol de Santa Cruz de La Sierra para jogar um amistoso em comemoração a um feriado local no dia 24 de setembro de 1969. O voo de volta, marcado para dois dias depois, nunca chegou a La Paz, o seu destino final.

A aeronave da Lloyd Aéreo Boliviano havia desaparecido. Foi um dia inteiro de angústia, tensão e pouca esperança até a confirmação do desastre. O avião caiu em La Concha, uma região montanhosa, na localidade de Viloco, a cerca de 100 km de La Paz. Morreram todos os 69 passageiros e os nove membros da tripulação. Entre eles estavam 16 jogadores, o gerente-geral, o treinador e o massagista do The Strongest.

A comoção foi grande em toda a América do Sul. Um dos grandes do futebol boliviano precisava de ajuda e foi amparado até pelo maior rival, o Bolívar. As equipes bolivianas emprestaram os seus principais jogadores para o The Strongest excursionar pelo interior do país e até pelo exterior. A turnê renderia recursos para reerguer o clube.

O então presidente da Conmebol, Téofilo Salinas, doou 20 mil dólares. O auxílio veio também do Brasil. A CBF organizou um Fla-Flu e a renda foi toda revertida para o clube boliviano. Na Argentina, o Boca Juniors organizou um amistoso e emprestou dois jogadores do elenco principal.

Luis Fernando Bastida e Víctor Hugo Romero se tornaram figuras importantes da equipe nos anos seguintes. A retomada foi dolorosa, porém curta. Ao contrário dos outros exemplos de tragédias aéreas, o The Strongest comemorou títulos logo na primeira temporada após o ocorrido.

Em 1970 conquistou o Campeonato da Liga de La Paz. Repetiu o feito no ano seguinte. O futebol boliviano ainda não tinha uma liga unificada que reunisse times de todo o país.

Rapidez diferente das duas principais tragédias do futebol mundial. O Torino foi vitimado com um acidente aéreo em 1949. Perdeu todo o elenco, base da seleção italiana e que tornaria-se em seguida pentacampeão nacional. Voltou a levar o Scudetto em 1976, no entanto nunca mais obteve o mesmo sucesso.

O Manchester United, em 1958, perdeu parte do time campeão inglês e que voltava de um jogo da Liga dos Campeões. Conquistou um título somente quatro anos depois do acidente.