Correio do Povo - O portal de notícias dos gaúchos | Versão Impressa

Porto Alegre

24ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 18 de Dezembro de 2018

Jornal > Cidades

ANO 117 Nº 6 - PORTO ALEGRE, QUINTA-FEIRA, 6 DE OUTUBRO DE 2011

Rio Pardo

Monumento lembra combate de 1838

Réplica da escultura em concreto armado | Foto: GISELE LIMA / DIVULGAÇÃO / cp

Réplica da escultura em concreto armado | Foto: GISELE LIMA / DIVULGAÇÃO / cp

Réplica da escultura em concreto armado
Crédito: GISELE LIMA / DIVULGAÇÃO / cp

Obra do artista plástico Sérgio Coirolo será inaugurada no próximo dia 25

O secretário de Cultura do Estado, Luiz Antônio de Assis Brasil, inaugura no próximo dia 25 o Monumento ao Soldado Farroupilha Desconhecido, na Praça da Cruz do Barro Vermelho, bairro Ramiz Galvão, em Rio Pardo. O arquiteto e artista plástico Sérgio Coirolo é o responsável pela obra, que retrata cena de um dos mais sangrentos combates da Revolução Farroupilha, a Batalha do Barro Vermelho. O confronto entre farrapos e uma tropa imperial ocorreu no dia 30 de abril de 1838, na então Vila de Rio Pardo.

A escultura em concreto armado representa a figura de um soldado com um amigo morto nos braços. O prefeito de Rio Pardo, Joni Lisboa da Rocha, explica que a ideia é homenagear os combatentes mortos que não foram encontrados. Acrescenta que o objetivo maior da iniciativa é marcar o local em que nasceu o Hino do Rio Grande do Sul. "É uma honra para nós rio-pardenses fazermos parte deste marco na história do povo gaúcho. Ser o berço de um dos símbolos maiores do Estado é motivo para se orgulhar", enfatiza.

O secretário Luiz Antônio de Assis Brasil também visitará o Centro Regional de Cultura, instalado em um prédio histórico inaugurado em 1882, que foi cedido pelo governo do Estado à União dos Ex-Alunos e Amigos do Auxiliadora (Uneama).