Porto Alegre, quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

  • 20/02/2014
  • 19:01
  • Atualização: 23:14

Tarso projeta R$ 90 milhões de arrecadação na Copa

Governo do Estado encaminhou projeto que isenta ICMS de empresas parceiras para estruturas provisórias

Tarso projeta R$ 90 milhões de arrecadação na Copa | Foto: Samuel Maciel

Tarso projeta R$ 90 milhões de arrecadação na Copa | Foto: Samuel Maciel

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

O governador Tarso Genro acredita que o Estado irá arrecadar R$ 90 milhões em impostos durante a realização dos jogos da Copa do Mundo em Porto Alegre – entre 15 e 30 de junho. Ele projetou o ganho um dia depois de o Executivo protocolar o projeto que concede isenção fiscal de até R$ 25 milhões às empresas que construírem as estruturas provisórias para as partidas do Mundial.

Se esses jogos não saírem nós perdemos 90 milhões de ICMS. Não podemos aceitar que isso aconteça”, afirmou Tarso, que afirmou que 200 mil pessoas visitarão o Estado no período da Copa. “Isso tem um efeito extraordinário nos restaurantes e comércio.”

PMDB contesta urgência da matéria

O Piratini acredita que o texto será votado na próxima semana, mas o PMDB tende a ser um obstáculo para a aprovação da proposta. “Este projeto não está publicado ainda na Assembleia. É um assunto delicado e tem que ser discutido. O RS já deu isenção bastante. Em princípio eu não aceito que todos os gaúchos tenham que pagar por um recurso que será provisório”, argumentou o vice-líder da bancada do PMDB na Assembleia, deputado Nélson Härter.

Bookmark and Share