Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 22 de Agosto de 2017

  • 07/10/2015
  • 11:55
  • Atualização: 08:05

Jovem se atira de táxi após motorista mudar rota

Estudante embarcou em frente à PUCRS, em Porto Alegre

  • Comentários
  • Correio do Povo e Rádio Guaíba

* Com informações da repórter Vitória Famer

Uma jovem de 18 anos precisou se atirar de um táxi em movimento ao ver que o motorista havia alterado o itinerário solicitado na noite dessa terça-feira, em Porto Alegre. Segundo o pai da vítima, que é servidor da Assembleia Legislativa, a estudante de Comunicação Social embarcou no veículo em frente à Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e solicitou uma corrida até o Shopping Iguatemi.

O motorista teria desviado o caminho na avenida Protásio Alves em direção ao bairro Bom Jesus, na zona Leste da Capital. "Ele seguiu direitinho o caminho da rua Cristiano Fischer, só que ele (dobrou à direita) foi para a Protásio. Pensei que ele poderia fazer outro caminho, já que tem um outro retorno na Protásio, ou ir, pela Saturnino de Britto. Só que ele dobrou uma rua à direita, que era depois do retorno, e eu perguntei onde ele estava indo. Ficou um silêncio no carro. Eu nem pensei, na verdade. Eu tava com a minha mochilas nas costas, porque eu já estava com medo, e, simplesmente, me joguei do carro”, contou a jovem.

Após se atirar do veículo em movimento, a estudante saiu correndo. No caminho, encontrou um outro estudante, também da PUCRS, ao qual pediu ajuda. O jovem acabou levando a menina até uma farmácia, na avenida Protásio Alves, de onde eles conseguiram ajuda. No local, aguardaram a chegada do namorado da jovem.

Depois do susto, a jovem afirmou que não se sente segura ao utilizar táxis em Porto Alegre. Além disso, comentou que já sofreu assédio ao pegar outros veículos. “Sinceramente, eu não tenho nenhuma vontade de usar táxi, por tudo que está acontecendo. Tão cedo não vou pegar táxi”, expôs a estudante. A denúncia foi feita na manhã desta quarta-feira na Delegacia da Mulher de Viamão.

Passageiro é assaltado por taxista

Na noite de domingo, um homem foi assaltado por um taxista na zona Sul da Capital. Luan Soares, de 22 anos, embarcou em um veículo Siena na avenida Wenceslau Escobar. Ele pediu ao motorista que parasse no banco para sacar o dinheiro da corrida. “Comecei a perceber que ele fazia um caminho estranho e tentei indicar para ele o caminho a ser feito. Foi então que ele tirou o revólver de baixo do banco e anunciou o assalto”, conta o jovem.