Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
17ºC
Amanhã
14º 23º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

23/02/2010 09:59 - Atualizado em 23/02/2010 10:28

Suspeito de matar de menina será julgado em Rivera

Corpo de criança foi encontrado perto do aeroporto da cidade uruguaia nesta segunda

O suspeito de matar uma menina de 10 anos será julgado nesta terça-feira pela Justiça de Rivera, no Uruguai. O homem está preso desde ontem na 1ª Seccional de Polícia da cidade uruguaia, isolado e incomunicável. A garota, uruguaia, foi encontrada morta nesta segunda-feira, na Parada Gazapina, imediações do Aeroporto Municipal de Rivera.

A criança foi raptada da casa da avó, que havia deixado a neta dormindo sozinha na residência para comparecer num posto de saúde por volta das 6h. Ao retornar e perceber a ausência da menina, a mulher comunicou 9ª Seccional da Chefatura de Polícia de Rivera, que mobilizou durante toda a manhã um forte aparato policial para esclarecer o caso. O corpo da criança foi localizado por volta das 14h30min numa floresta de eucalipto nas imediações de uma vinícola distante 10 quilômetros de Rivera.

Peritos apuraram que a menina foi estuprada e estrangulada. O suspeito foi interrogado e caiu em contradição. Apontado como o principal suspeito do crime, ele foi preso e confessou o assassinato, levando os policiais ao local onde havia enterrado o corpo da sobrinha – um matagal na beira de um acesso pouco movimentado conhecido como Picada Gazapina.

Conforme testemunhas, o acusado foi visto nas imediações da residência onde a criança estava. Segundo a legislação penal do país vizinho, devido aos agravantes, a pena prevista pode ultrapassar 35 anos de prisão em regime fechado.

Fonte: Jango Medeiros / Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.