Correio do Povo | Notícias | PSDB anuncia coligações e homologa candidatura de Yeda

Porto Alegre

32ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 23 de Janeiro de 2019

  • 27/06/2010
  • 14:27
  • Atualização: 14:47

PSDB anuncia coligações e homologa candidatura de Yeda

Convenção do partido tucano ocorreu neste domingo

PSDB anuncia coligações e homologa candidatura de Yeda  | Foto: Pedro Revillion

PSDB anuncia coligações e homologa candidatura de Yeda | Foto: Pedro Revillion

  • Comentários
  • Marjulie Martini / Rádio Guaíba

O alfabeto do tucanato gaúcho irá contar com mais três siglas. Além de PP, PPS e PRB, o PSDB oficializou a coligação com PHS, PTN, PSC e PTdoB. O anúncio foi feito durante a convenção do PSDB, ocorrida no Teatro Dante Barone, da Assembleia Legislativa, na manhã deste domingo.

Foram homologadas as candidaturas de Yeda Crusius à reeleição para o governo do Estado, de 55 candidatos a deputado estadual e de 22 a deputado federal. Para o Senado, a única candidata defendida pelos tucanos é Ana Amélia Lemos, do PP.

Do lado de fora da Assembleia, a governadora foi recebida por uma bandinha alemã sobre um carro de som de um dos candidatos a deputado estadual, vuvuzelas, bandeiraço e um corredor de militantes. Ao meio-dia, Yeda chegou acompanhada de Berfran Rosado, o candidato a vice. De camisa e lenço verde, a candidata dançou de mãos dadas com Ana Amélia Lemos, foi porta-bandeira sobre o palco, ganhou 45 flores amarelas e, enfim, falou a um público que lotou o Dante Barone.

“Durante a crise do presidente João Goulart, nós (referindo-se a ela e aos irmãos) tivemos que trabalhar, mudamos o turno da escola para a noite, e quando aprendi a viver com meu salário, meu pai disse: tu não precisa mais trabalhar. Mas eu respondi que jamais iria parar, porque tenho autonomia”, citou a governadora a respeito de como tratou as finanças do Estado.

Quase ao final do discurso, ela falou sobre os opositores. “Nossos valores são completamente opostos aos daqueles que nos atacaram durante esse tempo todo. Nós queremos construir”, enfatizou.

Antes da governadora, Berfran Rosado falou à militância sobre os novos parceiros da coligação, errou o nome de um dos partidos e foi corrigido por Cláudio Diaz, presidente tucano no Estado. A aliança também foi destaque do discurso de Ana Amélia Lemos. “Muitos não entenderam o gesto do presidente Pedro Bertolucci quando abriu mão do posto de vice, mas isso era com vistas a uma aliança ainda maior”, explicou, utilizando uma citação de Ghandi para falar sobre o trabalho que terá como única candidata pela coligação ao Senado.


TAGS » Eleições 2010