Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 09/04/2012
  • 10:58
  • Atualização: 11:15

Cesta básica da Capital cai pelo quarto mês seguido, diz Dieese

Consumidores desembolsaram R$ 264,19 em março, menos 2,01% em relação a fevereiro

  • Comentários
  • Correio do Povo

A cesta básica de Porto Alegre registrou queda pelo quarto mês consecutivo, passando de R$ 269,61 em fevereiro para R$ 264,19 em março, o correspondente a -2,01%. Apesar do recuo, a Capital ainda tem a segunda cesta mais cara do País, atrás apenas de São Paulo, onde custa R$ 273,25. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Na avaliação mensal, seis dos 13 produtos que compõem os gêneros alimentícios básicos estão mais baratos. Os destaques são tomate (-17,20%), batata (11,11%) e banana (-10,53%). Em contrapartida, sete itens sofreram alta, principalmente óleo (3,65%), arroz (2,91%) e feijão (2,25%).

O valor representou 46,17% do salário mínimo líquido, contra 47,11% em fevereiro deste ano e 52,08% em março de 2011. No ano, a queda acumulada é de 4,58%, mas em 12 meses a cesta apresentou alta de 1,17%.

A cesta apresentou queda em 11 das 17 capitais pesquisadas pelo Dieese na Pesquisa Nacional da Cesta Básica, realizada mensalmente. As principais retrações foram verificadas em Goiânia (-6,73%), Vitória (-2,60%) e Rio de Janeiro (-2,55%).

Bookmark and Share