Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 16/04/2012
  • 17:26
  • Atualização: 19:06

Oficiais da BM aceitam proposta e Casa Civil confirma aumento salarial

Coronel em início de carreira passará a receber R$15 mil em 2018

  • Comentários
  • Voltaire Porto / Rádio Guaíba

Foi aceita nesta segunda-feira pela Associação dos Oficiais da Brigada Militar, a proposta de aumento salarial oferecida pelo Governo do Estado. De acordo com o chefe da Casa Civil, Carlos Pestana, o salário de um coronel em início de carreira será de R$15 mil em 2018. “A nossa expectativa se confirmou depois que os oficiais, efetivamente, aceitaram a proposta. É uma valorização, do nosso ponto de vista, da BM, essa parcela importante que cuida da nossa segurança”, afirmou Pestana.

Os oficiais reivindicavam equiparação salarial com outras carreiras jurídicas do Executivo. Os vencimentos de um coronel, atualmente, giram em torno de R$9 mil. Pela proposta do Piratini, um coronel iniciaria 2013 com vencimento de R$8,779 mil e chegaria a 2018 com R$ 15 mil. Para tenente-coronel, esses valores seria de R$8,435 mil (2013) e R$13,502 mil (2018); para major, R$8,013 mil (2013) e R$12, 152 mil (2018); para capitão, R$6,67 mil (2013) e R$10, 937 mil (2018).

Na semana passada, o Piratini aprovou a verticalidade no pagamento do salário da Brigada Militar, que entra em vigor a partir do próximo ano. A Associação dos Cabos e Soldados da Brigada Militar afirmou que, com a definição dos índices para coronel, que vão nortear a verticalidade para os demais integrantes da categoria, vai reunir o conselho da entidade para avaliar a proposta antes de submetê-la à categoria.

Confira o calendário salarial apresentado pelo Governo do Estado:
Oficiais da BM aceitam proposta e Casa Civil confirma aumento salarial | Foto: Reprodução Palácio Piratini / CP


Bookmark and Share