Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 03/09/2012
  • 13:40
  • Atualização: 13:44

Primeiro hospital veterinário público do País será construído em Porto Alegre

Previsão é que instituição comece a atender em setembro de 2013

  • Comentários
  • Cláudio Isaías / Correio do Povo

Com a proposta de atender entre 100 e 120 cães e gatos por dia, o Hospital Veterinário Vitória, em Porto Alegre, deverá ser inaugurado em setembro de 2013 como o primeiro público do País. No complexo localizado no bairro Jardim Botânico, serão realizadas cirurgias de esterilização e atendidos casos de média e alta complexidade.

O anúncio foi feito pelo prefeito José Fortunati durante a assinatura do termo de compromisso para construção do empreendimento, nesta segunda-feira. A cerimônia contou com a presença do secretário Especial dos Direitos Animais (Seda), Urbano Schmitt, e dos integrantes da empresa Novavicenza Negócios e Participações, vencedora da licitação para execução da obra.

A instituição será construída em um terreno da prefeitura de 1,1 mil metros quadrados, localizado na rua Antônio Carlos Tibiriçá. A área com bloco cirúrgico e pós-operatório terá em torno de 600 metros quadrados, além de uma UTI. Segundo Schmitt, a expectativa é que as obras comecem no início de novembro. “O atendimento na unidade será gratuito e terá 20 veterinários”, explicou.

A primeira-dama Regina Becker, que é voluntária da Seda, ressaltou que a construção do hospital veterinário tem o objetivo de dar a mesma atenção aos animais que hoje é dada à população nos postos de saúde da Capital. Segundo ela, mais de 70% dos moradores da cidade possuem um animal doméstico. “Queremos prestar a melhor assistência à saúde humana e animal”, acrescentou.

O Hospital Veterinário de Porto Alegre será o primeiro público para animais de estimação do Brasil. Em São Paulo, a Associação de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais (Aclinvepa) criou uma instituição para atender casos de baixa complexidade. A prefeitura municipal repassa uma verba mensal de aproximadamente R$ 600 mil para atender 70 animais por dia, incluindo consultas, retornos, internações, exames e cirurgias.

Bookmark and Share