Correio do Povo

Porto Alegre, 18 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
25ºC
Amanhã
16º 23º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

03/12/2013 20:49 - Atualizado em 03/12/2013 21:12

Fortes chuvas causam desabamento de 227 imóveis em Cuba

Instabilidade causou duas mortes e atingiu 627 famílias na ilha

Sol voltou a Cuba após chuvas causarem estragos<br /><b>Crédito: </b> AFP / CP
Sol voltou a Cuba após chuvas causarem estragos
Crédito: AFP / CP
Sol voltou a Cuba após chuvas causarem estragos
Crédito: AFP / CP

Os desmoronamentos de casas em Havana chegaram a 227 nesta terça-feira e, desde segunda, já não chove forte na ilha. Dos locais afetados, 26 desabamentos foram totais. Pelo menos 627 famílias foram afetadas por causa das chuvas da semana passada.

Segundo a Agência de Informação Nacional (AIN), “das mais de 700 mil casas existentes em Havana, 12% se encontram, atualmente, em mau estado de conservação”. As chuvas deixaram dois mortos na sexta-feira, em um dos primeiros desabamentos de Havana.

Até o momento, 1.240 pessoas foram evacuadas pela Defesa Civil: 841, levadas para abrigos públicos, e 1.399, para casas de parentes e amigos.

Nesta terça-feira, as autoridades “fizeram um processo de revisão e avaliação dos danos nos imóveis para determinar seu estado atual, assim como do sistema de drenagem em diferentes áreas”, afirmou o secretário da Assembleia Provincial, Francisco Sánchez.

“Devemos esclarecer que as pessoas afetadas não poderão voltar para suas casas enquanto não houver garantias das condições totais de segurança para elas”, ressaltou.

Bookmark and Share

Fonte: AFP







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.