Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
20ºC
Amanhã
11º 22º


Faça sua Busca


Notícias > Política

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

04/12/2013 19:11 - Atualizado em 04/12/2013 19:35

Ministério da Justiça vai pedir que Pizzolato cumpra pena na Itália

Enviar cópia do processo será alternativa caso extradição seja negada

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo relatou, em audiência na Câmara dos Deputados, que o Ministério da Justiça pedirá que o ex-diretor do Banco do Brasil (BB) Henrique Pizzolato cumpra a pena em território italiano. O procedimento seria uma alternativa, caso a Itália não aceite o pedido de extradição.

"Enviaremos cópia para que a Justiça italiana o processe lá. Se ele for condenado como cidadão italiano, cumprirá pena lá", declarou Cardozo. Pizzolato foi condenado a 12 anos e sete meses, na Ação Penal 470, o processo do mensalão. De acordo com Cardozo, o ex-diretor do BB está foragido desde o dia 15 de novembro, quando a prisão dele e de outros condenados no processo foi determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O ministro disse ainda que a iniciativa do pedido de extradição é do STF.

Logo após o anúncio da "fuga", a Interpol emitiu um alerta internacional de que existe um mandado de prisão contra Henrique Pizzolato no País. O aviso, chamado pela Polícia Federal de Difusão Vermelha, significa que ele é procurado por todos os países membros da Interpol. A Itália confirmou sua entrada no país em comunicado no último dia 21.


Bookmark and Share

Fonte: Agência Brasil







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.