Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
19ºC
Amanhã
13º 22º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

06/12/2013 18:49 - Atualizado em 06/12/2013 19:01

Caminhão transporta casa de forma ilegal nas ruas de Erechim

Construção chegou a bloquear meia faixa da contramão até motorista ser abordado

Caminhão transporta casa de forma ilegal nas ruas de Erechim<br /><b>Crédito: </b> Rodrigo Finardi/Especial CP
Caminhão transporta casa de forma ilegal nas ruas de Erechim
Crédito: Rodrigo Finardi/Especial CP
Caminhão transporta casa de forma ilegal nas ruas de Erechim
Crédito: Rodrigo Finardi/Especial CP

Um fato inusitado chamou a atenção dos moradores de Erechim, na tarde desta sexta-feira. Uma casa de madeira foi flagrada sobre um caminhão que transitava pela rua Espírito Santo, próximo aos cemitérios Pio XII e Jardim da Saudade. O telhado da residência encostou em fios da rede elétrica o que gerou denúncias à Diretoria Municipal de Trânsito.

O motorista foi abordado em frente ao cemitério Jardim da Saudade. O caminhão estava com os documentos em dia, porém o motorista não seria habilitado e não teria licença da prefeitura para transportar a construção de madeira.

A Brigada Militar também foi acionada, já que o transporte colocava em risco pedestres e motoristas que trafegavam no sentido contrário, pois a extensão da casa ocupava uma pista e meia. Depois da apreensão, um motorista habilitado guiou o caminhão até o Loteamento Poltronieri, do outro lado da BR 153, onde deixou a casa, sempre escoltado pelo Departamento de Trânsito da prefeitura de Erechim. A casa foi retirada de um terreno na mesma rua em que o caminhão foi abordado, a 200 metros da avenida Sete de Setembro.


Bookmark and Share


Fonte: José Adelar Ody/Correio do Povo







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.