Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
18ºC
Amanhã
12º 22º


Faça sua Busca


Notícias > Economia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

10/12/2013 12:05 - Atualizado em 10/12/2013 12:08

PIB gaúcho cresce 3,6% no trimestre e 6,6% no acumulado

Indústria e serviços puxaram o crescimento, apontam dados da FEE

O Produto Interno Bruto (PIB) do Rio Grande do Sul cresceu 3,6% no terceiro trimestre de 2013, na comparação com mesmo trimestre do ano anterior. Os dados do PIB Trimestral gaúcho foram apresentados nesta terça-feira pelo economista Martinho Lazzari, da Fundação de Economia e Estatística (FEE) que destacou que as grandes novidades do terceiro trimestre foram a indústria e serviços que puxaram o crescimento do Estado. A indústria se expandiu 4,9%, impulsionada pelo bom resultado da indústria de transformação, que cresceu 5,5%, com destaque para as atividades de máquinas e equipamentos (21%), veículos automotores (27,5%), borracha e plástico (15,7%) e refino de petróleo (33,4%).

A construção civil cresceu 3,6%, e as demais indústrias, 3,7%. O setor serviços teve um acréscimo de 4%, com todas as atividades. O comércio aumentou 4,1%, com destaque para material de construção e equipamentos de informática. Lazzari atribui o crescimento no comércio ao aumento do crédito para pessoa física que atingiu 18% no Estado mais do que no Brasil que foi de 16,5%. Outro fator apontado pelo economista é a diminuição da taxa de inadimplência no Rio Grande do Sul que foi de 3,1% enquanto que no Brasil o índice é de 4,6%. A atividade de transportes cresceu 11%, incentivada pelas demandas da agropecuária e da indústria de transformação. Os aluguéis aumentaram 2,5%, administração pública, 2,7%, e demais serviços, 3,6%. Passados os efeitos positivos da safra de verão, a agropecuária caiu 8%.

No acumulado do ano, de janeiro a setembro de 2013, comparado com igual período do ano anterior, o PIB gaúcho cresceu 6,6%. A agropecuária cresceu 48%, com grande destaque para os aumentos de produção da soja e do milho. A indústria expandiu-se 2,9% e a de transformação cresceu 3,4%, amparada nos aumentos de produção das atividades de máquinas e equipamentos (9,6%), veículos automotores (19,9%), borracha e plástico (12,9%), de bebidas (12,6%) e refino de petróleo (25,4%). Já a construção civil cresceu 2,7% nessa base de comparação. Os serviços expandiram-se 3,1%. O destaque foi novamente a atividade de transportes, com aumento de 6,3%. O comércio cresceu 3,4%, impulsionado pelos aumentos das vendas dos ramos de material de construção, equipamentos de informática e vestuário e calçados. Os aluguéis cresceram 2,4%, a administração pública, 2,7%, e os demais Serviços, 2,7%.

No acumulado em 12 meses contra o mesmo período anterior, o PIB do RS cresceu 4,9%. A agropecuária aumentou 39,1%, a indústria, 0,9%, e os serviços, 2,7%. No 3° trimestre contra o trimestre imediatamente anterior, com ajuste sazonal, o PIB do Estado caiu 1,6%. A agropecuária retraiu 5,6%, a indústria mostrou estabilidade (0,0%), e os serviços cresceram 1%.

Bookmark and Share


Fonte: Claudio Isaías / Correio do Povo







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.