Correio do Povo

Porto Alegre, 18 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
22ºC
Amanhã
19º 26º


Faça sua Busca


Notícias > Geral > Educação

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

20/12/2013 15:18 - Atualizado em 20/12/2013 15:22

Mais de 1,5 mil candidatos são eliminados por fraudar Enem

Irregularidades envolvem pontos de escuta, porte de equipamentos eletrônicos e tentativa de consulta

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou nesta sexta que 1.522 candidatos foram eliminados ao tentar fraudar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2013. As irregularidades, identificadas pelos fiscais no momento de realização das provas em outubro, envolvem uso de pontos de escuta, porte de equipamentos eletrônicos, tentativa de consulta a conteúdos externos, entre outros.

O Inephavia eliminado 36 candidatos por postarem fotos das provas nas redes sociais. "A segurança do Enem é realizada, antes durante e após a aplicação das provas, com o acompanhamento da Polícia Federal, o que tem permitido, ao longo dos anos, o aprimoramento do processo", explica o presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa.

Quadrilha fraudava vestibulares para medicina

Uma investigação da Polícia Civil de Minas Gerais desarticulou uma quadrilha que fraudava vestibulares do curso de medicina em faculdades particulares. Operação durou nove meses. Durante as investigações, foram identificados diálogos dos fraudadores a respeito de suposta fraude no Enem, que seria feita por meio de ponto eletrônico. Entretanto, nenhum nome de suposto candidato beneficiado ou de fiscal foi repassado ao Inep. As alegações de fraude no Enem são baseadas apenas em diálogos entre fraudadores.


Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo





» Tags:Enem Fraude Inep


O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.