Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 06/01/2014
  • 22:17
  • Atualização: 22:25

Menina de 10 anos seria usada para ataque suicida no Afeganistão

Criança relatou à polícia que irmão colocou nela colete de explosivos e mandou apertar botão

  • Comentários
  • AFP

Policiais do Afeganistão anunciaram, nesta segunda-feira, a prisão de uma menina de dez anos que seria utilizada para cometer um ataque suicida na província de Helmand,  sul do país. De acordo com o ministério do Interior, a criança é irmã de um líder local dos rebeldes talibãs. Ele queria atacar um posto de controle da polícia com uma bomba sob o casaco da menor de idade.

Detida no domingo no distrito de Khanishin, a menina foi transferida para Lashkar Gah, capital da província, e revelou à polícia ter agido por ordem do parente. "Ele me disse para vestir o colete (com explosivos), ir ao posto de controle da polícia e apertar o botão. Disse que não aconteceria nada e me levou até o posto", explicou a garota. "Passei por um rio e vesti o colete; meu irmão fugiu e a polícia me prendeu". Os talibãs são acusados de utilizar crianças para cometer ataques suicidas, o que o grupo nega.


Bookmark and Share