Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
26ºC
Amanhã
15º 21º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

11/01/2014 11:59 - Atualizado em 11/01/2014 12:01

Polícia vai intimar mais oito suspeitos na operação Kilowatt

Quatro investigados que permaneciam recolhidos no sistema prisional foram soltos

Com a liberação dos oito presos da Operação Kilowatt, a Delegacia Fazendária do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) vai intimar agora outros oito suspeitos para prestarem depoimentos nos próximos dias. Essas pessoas não tiveram as prisões temporárias deferidas pela Justiça, conforme desejavam os delegados Joerberth Nunes Pinto e Daniel Mendelski. Segundo o diretor do Deic, delegado Guilherme Wondracek, a nova fase do trabalho também incluirá a intimação de testemunhas. A análise pericial da documentação apreendida será ainda intensificada pelas equipes da Defaz.

Na noite de sexta-feira, os quatro investigados que permaneciam recolhidos no sistema prisional foram soltos. Outros quatro já haviam sido liberados desde quinta-feira passada, quando foi deflagrada a Operação Kilowatt. “As informações colhidas nos depoimentos não se coadunam com as provas material e documental que se encontram na investigação”, revela o delegado Daniel Mendeslki, acrescentando que surgiram contradições.

A ação policial apura suposto esquema envolvendo superfaturamento e fraude em licitações, além de inexistência da obra contratada ou de sua execução parcial. Seis obras, no valor total de R$ 12 milhões, apresentariam indícios de irregularidades. Para evitar novos casos parecidos, o Tribunal de Contas do Estado vai intensificar o acompanhamento in loco de obras públicas no RS. Entre as prioridades do TCE estão grandes obras e os projetos vinculados à Copa do Mundo.





Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.