Porto Alegre, sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

  • 16/01/2014
  • 22:48
  • Atualização: 23:10

Moradores que tiveram casas alagadas na zona Sul são levados para hotel

Defesa Civil interditou três residências por risco de desabamento

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

Após um segundo rompimento, na mesma semana, de uma tubulação de 200 mm no bairro Tristeza, na zona Sul de Porto Alegre, pelo menos nove moradores deixaram as residências e foram encaminhadas a um hotel. Servidores do Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) também estão providenciando os reparos na rede.

A tubulação estourou durante a tarde. Das seis residências alagadas, três foram interditadas pela Defesa Civil por apresentarem risco de desabamento no Beco 1 e na rua Liberal. O local é uma área verde e pertence ao Morro do Osso. Na noite de terça-feira, um outro rompimento também alagou casas do beco.

Para realizar o conserto, o Dmae interrompeu o abastecimento de água em parte dos bairros Tristeza e Camaquã. O difícil acesso e a ocupação de moradias irregulares sobre a rede de água fazem com que o serviço das equipes seja mais demorado. A previsão, ainda assim, é de que a normalização do abastecimento ocorra durante a noite.

   



Bookmark and Share