Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 17/01/2014
  • 22:17
  • Atualização: 22:19

Manequins com pelos pubianos divertem e chocam Nova Iorque

Ideia de loja é fomentar debate sobre o que é considerado sexy

  • Comentários
  • AFP

A cadeia de roupa americana American Apparel deflagrou uma curiosa polêmica, ao expor manequins com vasta área de pelos pubianos em suas vitrines no Lower East Side, em Nova Iorque. Nesta sexta, os transeuntes paravam para olhar, alguns boquiabertos ou chocados, tirar fotos, ou rir das magras modelos de plástico com os pelos pubianos extravasando a roupa íntima.

A American Apparel já foi acusada de fazer campanhas de marketing polêmicas e sexistas. Desta vez, a empresa disse que o objetivo foi celebrar a "beleza natural" das mulheres, a apenas algumas semanas do Valentine's Day, quando se comemora o Dia dos Namorados nos Estados Unidos.

"Convidamos os transeuntes a explorar a ideia do que é 'sexy', considerar o quão confortáveis se sentem com a forma feminina natural - e talvez o mais importante - vir e provar alguns dos nossos modelos favoritos da temporada", declarou a diretora de Criação, Iris Alonzo, responsável pelas vitrines.

Por enquanto, esses manequins polêmicos estão expostos apenas nessa única loja da American Apparel no sul de Manhattan, e não há planos de reproduzi-los em outra parte de Nova Iorque, ou nos Estados Unidos, de acordo com a empresa. Potenciais clientes ficaram divididos sobre se isso será um estímulo para gastar mais em lingerie como presente do Dia dos Namorados, em 14 de fevereiro, mas muitos gostaram da provocação.

"Não, mas parei e chamou minha atenção. Talvez essa seja a ideia", comentou o desenvolvedor de web Eric Chiu, de 33, que parou para tirar fotos. O corretor de seguros Marc Mangano, de 41 anos, aprovou: "Gostei. É simplesmente incrível", afirmou, com um cigarro na boca, reparando que "a maioria das mulheres se depila um pouco mais ali embaixo".

Bookmark and Share