Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 19/01/2014
  • 15:45

Rodoviários de Porto Alegre marcam reunião para esta segunda

Em negociação salarial, categoria avaliará se mantém ou não protestos

Em negociação salarial, categoria avaliará se mantém ou não protestos  | Foto: Vinícius Rotrato / CP Memória

Em negociação salarial, categoria avaliará se mantém ou não protestos | Foto: Vinícius Rotrato / CP Memória

  • Comentários
  • Jézica Bruno / Correio do Povo

Um nova reunião entre o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Coletivo Urbanos de Passageiros de Porto Alegre (Stetpoa) e o Sindicato das Empresas de Ônibus de Porto Alegre (Seopa) foi agendada para nesta segunda-feira, às 16h. Após a Operação Tartaruga, quando os rodoviários passaram a circular com velocidade reduzida pela Capital, articulada em duas oportunidades na semana passada, a categoria decidiu esperar a nova reunião para somente depois deliberar sobre manutenção ou não dos protestos.

Segundo o presidente da Stetpoa, Júlio Gamaliel, os atos realizados na manhã de quarta-feira e na tarde de quinta-feira foram suficientes para alertar as empresas sobre a força do movimento. A ação gerou transtornos à população, com a formação de enormes filas nos principais corredores da cidade, em especial, nas avenidas Farrapos, Protásio Alves, Osvaldo Aranha e João Pessoa.

O impasse na negociação salarial entre a categoria e as empresas se dá no índice de reajuste. Enquanto os profissionais pedem aumento de 14%, as empresas querem conceder apenas a inflação. Desde o início da negociação, a categoria já conseguiu algumas vitórias, como a garantia das empresas em avaliar cláusulas do acordo coletivo e a manutenção do plano de saúde, que integrava a pauta de reivindicações.

O presidente do Stetpoa explicou que se não houver avanços na negociação, uma nova operação-padrão poderá ser realizada, assim como a deflagração da greve. Se houver paralisação, a categoria promete que a população será informada com 72 horas de antecedência. Segundo a Seopa a reunião garantirá um segmento na negociação.

Bookmark and Share