Porto Alegre, domingo, 23 de Novembro de 2014

  • 23/01/2014
  • 20:36
  • Atualização: 20:51

Argentina deixa dólar flutuar livremente e peso se desvaloriza 11,1%

A queda da moeda argentina não ocorria nesta proporção desde 2002

  • Comentários
  • AFP

A moeda argentina se desvalorizou 11,1% nesta quinta-feira  e 18,6% este ano. A desvalorização acelorou após o governo permitir a livre oferta e demanda no mercado. Pelo segundo dia consecutivo, o Banco Central deixou de intervir no mercado financeiro, como fez diariamente durante os últimos 10 anos.

O peso argentino fechou a 8,019  por dólar no câmbio oficial, com uma desvalorização de 13,7% nas últimas 48 horas. Uma queda dessa proporção não era vista desde 2002, ano em que a moeda caiu 66% após o colapso da taxa de câmbio fixo da polêmica lei de conversibilidade. "Não, não há uma crise como a de então. O que estamos vendo é uma mudança de estratégia que aponta a acelerar muitíssimo a desvalorização, tipo 'choque' e não tão gradual", explicou à agência de notícias AFP o analista da Abeceb.com, Juan Pablo Rondero.

Bookmark and Share


TAGS » Economia, Argentina