Porto Alegre, domingo, 21 de Dezembro de 2014

  • 27/01/2014
  • 10:25
  • Atualização: 11:08

Ampola com sangue de João Paulo II é roubada de igreja na Itália

Relíquia foi roubada há dois dias junto com um crucifixo

  • Comentários
  • AFP

Uma ampola com sangue do papa João Paulo II foi roubada no fim de semana de uma igreja no centro da Itália. Cerca de 50 agentes da polícia fazem buscas na região para encontrá-la.

A relíquia foi roubada há dois dias junto com um crucifixo na pequena igreja de San Pietro della Ienca, em uma região montanhosa de Abruzzo, um local muito frequentado pelo popular papa polonês. Ele costumava passear ou esquiar na área, segundo o jornal La Repubblica.

Os policiais realizam as buscas com ajuda de cachorros especialmente treinados e a procuradoria de L'Aquila abriu uma investigação. Segundo Pasquale Corriere, presidente da associação cultural "San Pietro della Ienca" citado pela imprensa local, só há três frascos no mundo com sangue de João Paulo II.

Outro relicário com uma ampola de sangue do papa polonês, que ocupou o trono de Pedro por quase 27 anos, foi roubado em agosto de 2012 e encontrado horas depois. João Paulo II e o papa italiano João XXIII serão canonizados no dia 27 de abril em uma celebração única no Vaticano, anunciou em setembro o papa Francisco. No dia 27 de abril é celebrada a Divina Misericórdia, uma festa criada por João Paulo II.

Bookmark and Share