Porto Alegre, sexta-feira, 21 de Novembro de 2014

  • 27/01/2014
  • 17:51
  • Atualização: 17:52

EGR prevê operação de mais 31 veículos de resgate a partir de março

Edital para compra foi publicado nesta segunda-feira

  • Comentários
  • Voltaire Porto / Rádio Guaíba

O presidente da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), Luiz Crlos Bertotto, mantém expectativa positiva para a entrega de 31 veículos de resgate, que serão comprados a partir de uma licitação cujo edital foi publicado nesta segunda-feira no Diário Oficial do Estado. O investimento é de cerca de R$ 7 milhões e a previsão é de que a entrega ocorra na segunda quinzena de março.

"A licitação está andando e se tudo der certo acreditamos que, entre a segunda quinzena e o final de março, já poderemos contar com novos veículos de resgate. Vai depender do tempo de entrega da empresa vencedora, se nesse período não recebermos todas as 31 unidades, com certeza, já contaremos com boa parte da frota", avaliou Bertotto. O edital prevê prazo máximo de três meses para a entrega.

Mesmo apostando que todo processo vai dar certo, o presidente da EGR mantém cautela com a licitação. "Existem situações, judiciais, por exemplo, que não estão previstas no edital. Se houver demora vai ser em função de um eventual recurso de quem perdeu a disputa ou sobre o próprio tempo de entrega, mas não pela burocracia", ponderou Bertotto.

A data para o pregão eletrônico da EGR é 6 de fevereiro. Os veículos adquiridos serão repassados para o Corpo de Bombeiros, que vai auxiliar no socorro a acidentes em estradas estaduais assumidas pelo Estado após o fim dos pedágios da iniciativa privada e também nas estradas federais administradas pelo Dnit. Outros três veículos serão herdados das antigas concessionárias. Com isso, o número atual, de 31 equipamentos, mais do que dobra, chegando a 65.

Bookmark and Share


TAGS » Política, EGR