Porto Alegre, sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

  • 27/01/2014
  • 22:44

Operação Golfinho no Estado já efetuou mais de 900 resgates nesta temporada

Mais de um terço das ocorrências está concentrada em Torres, Capão da Canoa e Imbé

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

Em 37 dias, a Operação Golfinho salvou 901 banhistas no Rio Grande do Sul. A maioria dos resgates ocorreu no litoral Norte (767), seguido de águas internas (71) e do litoral Sul (63). A média é superior a 24 atendimentos por dia. Mais de um terço das ocorrências está concentrada em Torres, Capão da Canoa e Imbé

Dois óbitos foram contabilizados até agora. Conforme os salva-vidas, Gildomar Fernandes Cardoso, de 18 anos, sumiu ao se banhar na praia de Hermenegildo, em Santa Vitória do Palmar, no litoral Sul, no fim de semana passado. O outro caso havia ocorrido no dia 1º, em Tramandaí. Róger Martins, de 16 anos, desapareceu ao entrar no mar com amigos fora do horário de atuação dos salva-vidas.

As praias com maior número de casos de resgate até o momento foram Torres (140), Capão da Canoa (96), Imbé Sul (91), Tramandaí (78), e Capão Novo (56). As guaritas onde ocorreram mais afogamentos foram a 134, em Imbé Sul (51); a 09, em Torres (26); a 60, em Capão Novo (23); e as 07 e 08, em Torres (18).

Bookmark and Share