Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 30/01/2014
  • 09:47
  • Atualização: 10:26

Porto Alegre tem menor desemprego do País em 2013

IBGE revelou que índice de desocupação registrado no ano foi de 3,5%

  • Comentários
  • Correio do Povo e AE

Porto Alegre foi a região metropolitana que apresentou a menor taxa de desemprego em relação à população economicamente ativa do País em 2013, com 3,5%, segundo pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira. O número ficou baixo da média nacional de 5,4%. O resultado da Capital gaúcha foi 0,5% inferior a 2012, quando ficou em 4,0%.

Já Salvador é a capital que mantém a maior taxa média de desemprego, com 8,1%, em 2013. Em 2012, essa taxa havia sido de 7,2%. Em dezembro do ano passado, a taxa de desocupação da capital baiana ficou em 7,7%, contra 5,7% em dezembro de 2012 e 8,2% em novembro de 2012, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).  

A taxa média de desemprego na região metropolitana de São Paulo em 2013 foi de 5,9%, contra 6,0% em 2012. Na divulgação mensal, o IBGE mostrou uma taxa de 4,4% em dezembro de 2013, contra 4,7% em novembro e 5,2% em novembro de 2012.

Taxa histórica

Em dezembro, a taxa de desocupação em Porto Alegre se manteve estável e repetiu os 2,6% registrado em novembro, quando atingiu o índice mais baixo nos últimos 10 anos. 

No País, o índice de dezembro de 2013, de 4,3%, é o menor da série histórica do IBGE, iniciada em março de 2002. Em novembro de 2013, a taxa havia sido de 4,6%. Com o resultado, a taxa média de desemprego no ano de 2013 ficou em 5,4%, também a menor da história.

O resultado foi 0,1 ponto porcentual abaixo da taxa média de 2012 (5,5%) e 7,0 pontos porcentuais inferior à taxa de 2003 (12,4%). A população desocupada ficou 6,6% menor em dezembro de 2013 em relação a igual mês do ano anterior, o que significa um total de 75 mil pessoas. Em relação a novembro, os desocupados diminuíram em 6,2%, ou 70 mil pessoas.

Já a população ocupada teve queda de 0,5% em dezembro de 2013 em relação a dezembro de 2012, o que significa 106 mil pessoas a menos. Em relação a novembro, houve aumento de 0,2%, o que representa 37 mil pessoas. O contingente de pessoas não economicamente ativas aumentou 3,9% em dezembro na comparação a igual mês de 2012, ou 707 mil pessoas. Em relação a novembro do ano passado, esse aumento foi de 0,4%, ou 82 mil pessoas.

Bookmark and Share