Correio do Povo

Porto Alegre, 29 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
17ºC
Amanhã
16º 27º


Faça sua Busca


Notícias > Economia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

31/01/2014 10:31 - Atualizado em 31/01/2014 10:35

Brasil ganhou 1,84 milhão de empresas em 2013, diz Serasa

O setor de serviços continua atraindo a maior quantidade de novos empreendimentos no Brasil

No ano passado 1,84 milhão de empresas foram criadas no Brasil, informou a Serasa Experian, nesta sexta-feira, 31. O número é 8,8% superior ao registrado em 2012, quando 1,69 milhão de empreendimentos foram abertos.

Segundo o levantamento, 68,2% dos negócios surgidos em 2013 são da categoria de Microempreendedores Individuais (MEIs), 14,1%, de Sociedades Limitadas, 11,9%, de Empresas Individuais e 5,8%, de outras naturezas jurídicas.

No que se refere à distribuição por regiões, o Sudeste registrou o maior número de empresas abertas de janeiro a dezembro de 2013 (50,6% do total), seguido pelo Nordeste (18,4%), Sul (16,2%), Centro-Oeste (9,4%) e Norte (5,4%).

O setor de serviços continua atraindo a maior quantidade de novos empreendimentos no Brasil. Em 2013, 1,05 milhão de companhias criadas são do setor de serviços, o equivalente a 57,2% do total. Também surgiram 605 mil empresas comerciais (32,9% do total) e, no setor industrial, foram abertas 149 mil companhias (8,1% do total).

Dezembro

Somente no mês de dezembro surgiram 96.221 empresas no País, o que representa um recuo de 33,2% em relação a novembro, mas uma alta de 6% na comparação com dezembro de 2012. De acordo com os economistas da Serasa Experian, a queda na margem decorre da sazonalidade adversa do período, devido às festas de fim de ano, o que inibe a decisão de abertura de negócios.


Bookmark and Share


Fonte: AE





» Tags:Brasil Serasa

O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.