Porto Alegre, domingo, 21 de Dezembro de 2014

  • 03/02/2014
  • 11:41
  • Atualização: 11:50

Litoral Norte vira alternativa para fugir do calor escaldante

Sol forte e vento fraco deixam a praia como um ótimo atrativo aos veranistas

  • Comentários
  • Nildo Júnior / Correio do Povo

A segunda-feira repete o bom tempo dos últimos dias. Sol forte aliado a um vento fraco de Nordeste, deixam a praia como um ótimo atrativo para os veranistas. Em Santa Terezinha, balneário pertencente ao município de Imbé, o mar limpo e claro segue agradando a todos.

O motorista de caminhão Henrique Boff, 43 anos, deixou o calor de Sapiranga para aproveitar o clima do Litoral Norte. “Vou passar sete dias aqui. Em Canoas, onde trabalho, o abafamento estava muito forte na semana passada. Agora posso curtir a praia e este ventinho agradável”, comentou.

Técnico em Edificações, Dalton Padilha, 31 anos, brincava com seus sobrinhos fazendo castelo de areia. Maria Eduarda, 9 anos, Yuri Henrique, 6 anos, e Adriele Nicole, 11 anos, auxiliavam o tio com baldes de areia para construir as torres. “Acho que o mar está um pouco agitado, apesar da bandeira amarela, e sugeri que brincássemos na areia. Para eles tudo é festa. A gente só fica até as 10h na praia para evitar o sol forte”, garantiu o preocupado tio. Sua namorada, a pedagoga Vanessa Félix, de 32 anos, supervisionava a diversão. “No domingo ele precisou voltar a Porto Alegre e fiquei cuidando das crianças sozinha. Mas, agora, estou só observando a construção”, observou.

O aposentado Flávio Castro, de 76 anos, sem camisa e de tênis, preparava-se para iniciar sua jornada até Atlântida Sul, praia que fica distante 3,7 quilômetros. “Para manter a forma, caminho e corro, um pouco de cada. Este verão está maravilhoso. Normalmente fico 40 dias na praia, mas vim em dezembro e só vou voltar para Porto Alegre em meados de março. Frequento esta praia há 70 anos. Meus filhos se criaram aqui também”, afirmou.


Bookmark and Share