Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 04/02/2014
  • 10:57
  • Atualização: 10:59

Metalúrgicos protestam em frente a empresa em Sapiranga

Funcionários demitidos alegam não ter recebido valores relativos à rescisão

  • Comentários
  • Correio do Povo

Cerca de 140 trabalhadores protestam em frente à empresa SudMetal na manhã desta terça-feira, em Sapiranga. Os funcionários foram demitidos no último dia 22 e realizam a mobilização devido à falta de pagamento de salários e rescisões, que deveria ter ocorrido na sexta-feira. Segundo o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Sapiranga, Nova Hartz e Araricá, Mauri Schorn, a empresas alega não ter capital para quitar a dívida.

“Eles tinham que pagar na última sexta-feira e não pagaram. Os trabalhadores voltaram aqui e trancaram o portão da fábrica. Já negociamos de todos os jeitos. Eles apresentaram a última proposta pela manhã, mas não foi aceita. Eles na verdade não têm dinheiro para pagar a rescisão”, declarou à Rádio Guaíba.

A empresa propõe o pagamento parcelado de cinco a 20 vezes, dependendo do valor que o funcionário tem a receber. A proposta não foi aceita. Na sexta-feira foi pago a última parcela do 13º salário, mas os trabalhadores seguem sem receber o dinheiro relativo às férias.

Bookmark and Share


TAGS » Geral, Metalúrgicos