Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 05/02/2014
  • 15:34
  • Atualização: 15:51

Tempestades de neve voltam a causar transtornos nos EUA

Cerca de 2.500 voos foram cancelados nesta quarta-feira nos Estados Unidos

Escritórios e escolas foram fechadas, são poucos os que se aventuram na rua | Foto: Emmanuel Dunand/AFP/CP

Escritórios e escolas foram fechadas, são poucos os que se aventuram na rua | Foto: Emmanuel Dunand/AFP/CP

  • Comentários
  • AFP

Uma nova tempestade de neve provocou nesta quarta-feira o cancelamento de milhares de voos e caos no trânsito terrestre no leste dos Estados Unidos, onde a falta de sal, necessário para manter rotas abertas, está se tornando um problema.

Depois da forte nevasca registrada na segunda-feira, Nova York e Nova Jersey enfrentam uma nova tempestade desde o início desta quarta-feira, o que forçou seus governadores, Andrew Cuomo e Chris Christie, respectivamente, a declarar estado de emergência.

Como tem sido desde o início de janeiro, a neve e o gelo causaram atrasos e cancelamentos nos aeroportos da costa leste e do norte do país. 

Cerca de 2.500 voos foram cancelados nesta quarta-feira nos Estados Unidos , incluindo mais de 1.200 nos três aeroportos da região de Nova Iorque (JFKennedy, LaGuardia e Newark, este último em Nova Jersey), segundo o site especializado FlightAware.

A nova tempestade começa a causar problemas de falta de sal na região, admitiu Cuomo.

"O Estado tem uma oferta adequada de sal para todas as rotas estaduais. No entanto, Nova York e Long Island relataram falta do produto", disse o governador em um comunicado, anunciando o envio de 3.500 toneladas a essas áreas.

Em Nova Jersey, o estado havia utilizado até a última semana mais sal do que durante todo o inverno 2012-2013: 277 mil toneladas contra 259 mil, de acordo com dados oficiais, a um custo de 60,5 milhões de dólares em limpeza de rotas e outras infra-estruturas.

A nova tempestade também causou o fechamento de escritórios do governo e escolas em vários lugares como Connecticut (nordeste), onde o governador Dannel Malloy ordenou que o pessoal não essencial permanecesse em casa nesta quarta-feira.

Bookmark and Share



TAGS » Neve, Mundo, EUA