Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 10/02/2014
  • 18:42
  • Atualização: 18:43

CEEE corre o risco de ser multada em até 2% do faturamento anual

Agergs vai abrir processo contra a estatal em função de falhas recorrentes no fornecimento de energia

  • Comentários
  • Lucas Rivas/Rádio Guaíba

A Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul (Agergs) vai abrir um processo administrativo contra a Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) em função de falhas recorrentes no fornecimento de energia elétrica na zona Sul de Porto Alegre e em cidades do Sul do Estado. O valor da multa pode ser milionário e chegar a 2% do faturamento anual da companhia.

Em reunião realizada na tarde desta segunda-feira, a CEEE apresentou cronograma de investimentos para melhoria no sistema de energia na Capital e Interior do Estado até 2015. Os primeiros investimentos, porém, só ocorrem a partir do mês que vem, alertou o conselheiro-presidente da Agergs, Carlos Martins.

“Está claro que a Companhia não tinha condições de fornecer energia em razão do excesso de calor e isso vai se repetir pois os investimentos virão somente a partir de março”, disparou.

As cidades da zona Sul mais afetadas pela falta de luz foram Cristal, Canguçu, Jaguarão, Pelotas e Santa Vitória do Palmar.

Durante encontro, a Companhia apresentou um balanço sobre o fornecimento de energia e ressaltou que a demanda aumentou acima do previsto na Capital em função do calor atípico.

Bookmark and Share