Porto Alegre, sábado, 22 de Novembro de 2014

  • 11/02/2014
  • 18:30
  • Atualização: 20:50

Assembleia deve instalar a CPI da Energia Elétrica

Deputado Lucas Redecker já colheu 20 assinaturas, mas espera mais adesões para encaminhar o pedido

  • Comentários
  • Voltaire Porto/Rádio Guaíba

O deputado Lucas Redecker (PSDB) já colheu 24 assinaturas, de um total de 19 necessárias, para viabilizar no Parlamento a CPI da Energia Elétrica. O deputado ainda não vai protocolar o requerimento porque espera mais adesões. Redecker justificou o encaminhamento devido aos prejuízos acumulados por diferentes setores da sociedade, provocados por falhas constantes no abastecimento de energia elétrica.

"No primeiro setor, já temos registros de produtos que perderam praticamente todos os frangos de suas granjas. O consumidor residencial parece que até já se acostumou diante da frequência do problema e a Assembleia quer ser protagonista no combate a esta situação", declarou.

Redecker disse que os deputados só saberão da existência ou não de uma caixa-preta das empresas responsáveis pelo abastecimento de energia elétrica no Estado, a partir da instalação da CPI e do desenrolar das investigações. O proponente, que deve presidir a CPI, ponderou que por enquanto reuniu assinaturas de deputados do PSDB, DEM, PPS, PP, PMDB e do deputado Marcelo Moraes, do PTB, todos políticos que fazem oposição ao governo Tarso Genro.

Enquanto o requerimento não é protocolado no parlamento, o deputado José Sperotto (PTB), promove na manhã desta quarta-feira, audiência sobre a qualidade dos serviços na Comissão de Assuntos Municipais.

Bookmark and Share