Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 11/02/2014
  • 23:58
  • Atualização: 00:04

Frente fria deve por fim à onda de calor histórica no RS

Quarta-feira ainda será quente, mas fora da sequência de dias com máximas de 40°C

  • Comentários
  • Metsul

Uma frente fria pouco organizada começa a avançar pelo Rio Grande do Sul nesta quarta-feira, rompendo o bloqueio atmosférico que favoreceu a onda de calor histórica. Já chove desde cedo em pontos do Sul e do Oeste e, no decorrer da manhã, a instabilidade alcança grande parte da Metade Sul.

Da tarde para a noite chove em várias regiões. Há risco de chuva forte em pontos localizados e de temporais isolados de vento e granizo, alguns até fortes. Antes, o sol aparece com nuvens na maioria das cidades com calor e abafamento. Refresca com rajadas de vento no Sul gaúcho até o fim do dia.

As mínimas, contudo, vão seguir relativamente altas, com 17°C em São José dos Ausentes e Vacaria, por exemplo. As máximas dificilmente deverão repetir a sequência de dias com 40°C, podendo atingir 37°C em Santa Rosa. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 22°C e 33°C.

O Rio Grande do Sul teve seu 10º dia seguido com 40ºC, nessa terça-feira. O fato incrivelmente raro deverá se encerar por aí, já que o calorão está com as horas contadas. Frente fria já trouxe temporais de chuva e vento forte para Buenos Aires e Montevidéu.

Esta frente avança pelo Rio Grande do Sul até quinta-feira com chuva e temporais. A chuva será irregular com baixos volumes em algumas cidades e intensas precipitações em outras. Ao encontrar o ar quente na dianteira, a frente pode provocar temporais de vento e granizo, com risco de danos.

Massa de ar frio na retaguarda ingressa no Estado até sexta com importante queda da temperatura e marcas amenas. O ar frio chega com rajadas fortes de vento Sul, sobretudo no Sul e no Leste gaúcho. Devido ao vento, o mar vai ficar agitado e deve ter ressaca, com ondas ao redor dos três metros.


Bookmark and Share