Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
9ºC
Amanhã
16º 27º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

17/02/2014 09:23

Detento mata diretor de prisão a tesouradas no Tadjiquistão

Homem de 66 anos foi golpeado 17 vezes

O diretor de uma prisão do Tadjiquistão foi assassinado a tesouradas por um detento, cabeleireiro, a quem havia pedido que cortasse seu cabelo, anunciou nesta segunda-feira um porta-voz do ministério do Interior.

"Mataram um funcionário de justiça de 66 anos, o diretor da prisão", declarou o porta-voz, informando que os incidentes ocorreram em Kuliab, uma cidade situada a 200 quilômnetros da capital, Dusambé.

"O funcionário convocou na tarde de domingo em seu gabinete o detido, cabeleireiro, para que cortasse seu cabelo", relatou. O preso, condenado a 17 anos de prisão por ter matado um jovem com 57 punhaladas, deu então 17 tesouradas no diretor, principalmente na cabeça. O diretor faleceu quando era levado ao hospital.

Bookmark and Share


Fonte: AFP






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.