Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 01/03/2014
  • 16:35
  • Atualização: 16:39

Decisão russa é ameaça para soberania da Ucrânia, diz Reino Unido

Ministro britânico das Relações Exteriores, William Hague, está preocupado cm situação

Ministro britânico está preocupado com situação na Ucrânia | Foto: Mark Wilson / AFP / CP

Ministro britânico está preocupado com situação na Ucrânia | Foto: Mark Wilson / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

O ministro britânico das Relações Exteriores, William Hague, afirmou neste sábado que a decisão do Parlamento russo de autorizar uma ação militar em território ucraniano, constitui em "uma ameaça potencialmente grave para a soberania" da Ucrânia.

"Estou muito preocupado com a escalada das tensões na Ucrânia e a decisão do parlamento russo de autorizar uma ação militar no território ucraniano contra a vontade do governo", disse William Hague em um comunicado.

"Esta ação é uma ameaça potencialmente grave para a soberania, a independência e a integridade territorial da Ucrânia. Condenamos qualquer ato de agressão contra a Ucrânia", acrescentou.

A demanda do presidente Putin ao Conselho da Federação de obter o recurso do exército russo na Ucrânia levou Londres a "convocar o embaixador da Rússia para expressar nossa profunda preocupação", informou.

William Hague conversou neste sábado com seu homólogo russo, Serguei Lavrov, "para pedir medidas com o fim de acalmar esta perigosa situação", disse. "Falei também esta tarde com o ministro alemão das Relações Exteriores, Frank-Walter Steinmeier, e entramos em acordo sobre a necessidade de uma ação diplomática internacional para resolver a crise".

O ministro britânico das Relações Exteriores viajará neste domingo a Kiev para se reunir com o novo governo ucraniano.


Bookmark and Share