Porto Alegre, terça-feira, 21 de Outubro de 2014

  • 06/03/2014
  • 14:42
  • Atualização: 15:15

UE suspende negociações bilaterais sobre vistos com a Rússia

Líderes europeus ameaçam também impor sanções econômicas ao país

  • Comentários
  • AFP

Os líderes europeus decidiram nesta quinta-feira suspender as negociações bilaterais com a Rússia sobre os vistos, a primeira medida política em resposta à ação russa na Crimeia, e ameaçaram Moscou com sanções econômicas, caso a situação na Ucrânia se deteriore.

À margem de uma cúpula extraordinária da UE em Bruxelas, o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, indicou que os dirigentes europeus concordaram em adotar uma estratégia progressiva de sanções para obrigar a Rússia a "negociar" uma saída para a crise na Ucrânia.

Além disso, os europeu consideraram como "ilegal" a decisão do Parlamento da península ucraniana da Crimeia de pedir sua integração à Rússia. "Esta decisão (...) é contrária à constituição ucraniana e, portanto, ilegal", declarou Van Rompuy.

Bookmark and Share