Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 10/03/2014
  • 11:17
  • Atualização: 11:19

Dilma se reúne com o PMDB para tentar resolver crise

Segunda-feira será de negociações com base aliada

  • Comentários
  • AE

Em mais uma rodada de conversa para debelar a crise com o PMDB, a presidente Dilma Rousseff realiza nesta
segunda-feira, duas reuniões com a cúpula do principal partido aliado do PT no governo. Desde as 9h40min de hoje, Dilma está reunida com o vice-presidente, Michel Temer, presidente licenciado do PMDB, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e os líderes do governo, senador Eduardo Braga (PMDB-AM), e do PMDB na Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE). O encontro, que também tem a participação dos ministros responsáveis pela articulação política do governo, Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Ideli Salvatti (Relações Institucionais), visa discutir as demandas da bancada do PMDB no Senado.

Às 10h30min, a presidente Dilma faz uma nova reunião para tratar, desta vez, dos problemas de articulação política do Planalto com a bancada do PMDB na Câmara, maior foco da rebelião peemedebista. Participarão o presidente da Casa, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), e o presidente em exercício do PMDB, senador Valdir Raupp (RO).

Na Câmara, a insatisfação envolve pedidos por mais cargos na máquina pública, acusações de que o Planalto dispensa tratamento diferenciado ao PT e problemas com a liberação de emendas parlamentares. Já no Senado, os peemedebistas querem a indicação do senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) para um ministério. O pleito inicial era pelo posto de ministro da Integração Nacional, o que ampliaria a presença peemedebista na Esplanada, mas a presidente ofereceu ao senador paraibano o Ministério do Turismo.

Depois das reuniões com a cúpula do PMDB, a presidente deve receber ainda nesta manhã o ministro-chefe da Secretaria de Aviação Civil, Moreira Franco, também do PMDB. Em seguida, às 13h, ela parte para São Paulo, onde participa de cerimônia de lançamento da Vacinação Nacional contra o HPV, no Jardim Esmeralda. No final da tarde, a presidente Dilma Rousseff viaja para o Chile, onde acompanhará, na terça-feira, a posse da presidente eleita do país Michelle Bachelet.

Bookmark and Share