Correio do Povo

Porto Alegre, 29 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
14º 23º


Faça sua Busca


Notícias > Internacional

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

11/03/2014 12:07 - Atualizado em 11/03/2014 12:25

Popularidade de Putin atinge nível recorde com crise na Ucrânia

Mais de dois terços dos pesquisados aprovam política de presidente russo

Vladimir Putin  atingiu nível mais alto de popularidade <br /><b>Crédito: </b> Aleksey Nikolskyi / Ria Novosti / AFP /CP
Vladimir Putin atingiu nível mais alto de popularidade
Crédito: Aleksey Nikolskyi / Ria Novosti / AFP /CP
Vladimir Putin atingiu nível mais alto de popularidade
Crédito: Aleksey Nikolskyi / Ria Novosti / AFP /CP

O Presidente russo, Vladimir Putin, atingiu o nível mais alto de popularidade no país desde sua reeleição em maio de 2012. Os índices estão diretamente relacionados à intervenção russa na crise ucraniana, indicaram nesta terça-feira os principais institutos de sondagens russos.

Mais de dois terços dos pesquisados (69%) afirmaram que aprovam a política de Vladimir Putin, segundo um estudo realizado no final de fevereiro pelo instituto independente Centro Levada. A pesquisa entrevistou cerca de 1,6 mil  pessoas de 45 regiões russas.

O resultado representa aumento de 9%, na comparação com o mesmo período de 2013. O mesmo estudo revelou que 30% dos inquiridos (contra os 35% registados em fevereiro de 2013) desaprovam a atuação do chefe de Estado
russo.

Em outra sondagem realizada pelo instituto VTsIOM, os níveis de popularidade de Putin ficaram em 68%, revelando ainda que, para 53% dos inquiridos, a crise na Ucrânia é o "principal assunto" da atualidade.


Bookmark and Share


Fonte: Agência Brasil






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.