Porto Alegre, domingo, 21 de Dezembro de 2014

  • 14/03/2014
  • 15:58

TSE determina retirada de página do Facebook que divulga Aécio Neves

Conteúdo publicado, segundo ministro, se caracterizava como propaganda eleitoral antecipada

  • Comentários
  • Agência Brasil

O ministro Humberto Martins, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou que o Facebook retire do ar uma página da rede social favorável ao senador Aécio Neves (PSDB-MG). Para o ministro, o conteúdo publicado é propaganda eleitoral antecipada. De acordo com a Lei Eleitoral, a propaganda de candidatos às eleições de outubro só pode ser feita a partir do dia 6 de julho.

O pedido para retirar a pagina do ar foi feito pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), sob a alegação de que a página “enaltece, em período vedado pela legislação eleitoral, a pessoa e imagem” do senador.

Ao concordar com os argumentos apresentados pelo MPE, o ministro concedeu liminar para determinar que o Facebook retire imediatamente conteúdo do ar. “No caso específico dos autos, é possível vislumbrar, a partir da documentação anexada, a postagem de imagens e mensagens em perfil público hospedado pelo Facebook que dão conta da futura candidatura do segundo representado (Aécio) ao cargo de presidente da República, em período anterior ao permitido”, afirmou o ministro.

Bookmark and Share