Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 16/03/2014
  • 15:16
  • Atualização: 15:22

No Twitter, Dilma reitera apoio a vítimas das cheias do Rio Madeira

Presidente afirmou que desabrigados receberão assistência do governo para reconstrução

Nesse sábado, Dilam sobrevoou áreas atingidas | Foto: Roberto Stuckert Filho / Presidência / Divulgação / CP

Nesse sábado, Dilam sobrevoou áreas atingidas | Foto: Roberto Stuckert Filho / Presidência / Divulgação / CP

  • Comentários
  • AE

A presidente Dilma Rousseff voltou a falar sobre a cheia do Rio Madeira, na Região Norte do País, em sua conta pessoal no microblog Twitter. A presidente lembrou queesteve nesse sábado, em Rondônia e no Acre, prestando
solidariedade aos desabrigados das chuvas e afirmou que os moradores vão continuar recebendo assistência do governo para as tarefas de reconstrução das localidade atingidas pelas chuvas. Segundo ela, neste momento, a prioridade é resgatar e apoiar os desabrigados. "Parceiros não podem faltar na hora difícil", disse.

A presidente disse que o governo irá assistir iniciativas para que, no futuro, chuvas como essas não isolem o Acre e parte de Rondônia do restante do País. Ela voltou a afirmar que irá construir a ponte sobre o Rio Madeira, "obra fundamental para o Acre ter mais uma ligação com Rondônia".

Nesse sábado, Dilma sobrevoou as áreas atingidas pelas chuvas na Região Norte. A presidente anunciou a liberação do saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para as vítimas da cheia do Rio Madeira. O saque poderá ser realizado a partir de quarta-feira, 19. Já em Porto Velho, Dilma anunciou a prorrogação por mais três meses do seguro-defeso pago aos pescadores durante o período de reprodução de peixes.

Bookmark and Share