Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

  • 19/03/2014
  • 15:34
  • Atualização: 15:35

Torres decreta situação de emergência após temporal da última madrugada

Cidade teve diversos imóveis alagados, problemas em encostas e na pavimentação

  • Comentários
  • Camila Kila/Rádio Guaíba

A Prefeitura de Torres, no Litoral Norte, decretou situação de emergência em função do temporal da madrugada desta quarta-feira. Em três horas, choveu cerca de 200 mm no município, o que fez com que dezenas de casas e outros imóveis ficassem alagados.

A prefeita Nilvia Pinto Pereira conta que 13 famílias precisaram ser removidas pelo Corpo de Bombeiros, principalmente da região central da cidade. Os moradores já puderam retornar a suas residências.

Outros locais afetados foram a sede da prefeitura, da Secretaria da Saúde, o posto de saúde central e uma escola de educação infantil. A prefeita ressalta que os atendimentos seguem ocorrendo normalmente nos locais. Houve ainda problemas com a pavimentação urbana.

Outra preocupação é com o Morro do Farol, um dos pontos em que ocorre deslizamento e com as encostas dos bairros Centenário e São Jorge e da Vila São João. 

O levantamento dos danos ainda é realizado para que posteriormente seja encaminhado o decreto à Defesa Civil Estadual. Segundo a prefeita, já foi possível constatar que o último temporal causou mais prejuízos do que o anterior, no mês passado.

No dia 13 de fevereiro a cidade foi atingida por um vendaval e centenas de casas ficaram destelhadas. Na ocasião, foi decretada situação de emergência no momento em que a cidade estava iniciando as obras de pavimentação das vias destruídas e a reconstrução dos locais afetados.

Bookmark and Share